Glicemia é a quantidade de glicose (açúcar) no sangue, e a variação desta quantidade pode indicar estado de hipoglicemia ou hiperglicemia. Isto está diretamente relacionado à quantidade de insulina liberada pelo pâncreas, em decorrência da quantidade de carboidratos ingeridos ao longo do dia.

Cálculo da Glicemia

Para calcular a quantidade de glicemia presente no sangue, faz necessário um exame de sangue, o qual preferencialmente é feito em jejum, para ter uma contagem realística no sangue. Quem preferir  fazer a medição ao longo do dia, é possível  através de um aparelho portátil chamado “kit medidor de glicose”.

medidor de glicoseEsse kit medidor de glicose, é composto de:

Medidor de glicose, lancetador, tira de teste, lancetas para o lancetador.  Com o auxilio de um manual de utilização, você consegue realizar o exame onde estiver, com apenas uma pequena amostra, geralmente uma gota.

É um aparelho que auxilia bastante as pessoas, principalmente as portadoras de diabetes.  Além do auxilio, o kit medidor de glicose é facilmente encontrado em farmácias e possui preço acessível.

Controlar a Glicemia

Para controlar a glicemia, é recomendável que a pessoa adquira hábitos saudáveis, como por exemplo: atividades físicas, alimentação saudável com verduras, legumes e evitar a ingestão de açúcares na alimentação do dia-dia.

Se você é diabético ou pré-diabético, veja no vídeo abaixo como manter o controle da glicose no organismo, naturalmente.

Hipoglicemia

A hipoglicemia é o estado que o paciente apresenta níveis de glicose abaixo do normal na corrente sanguínea, geralmente abaixo de 70 mg/dl.

Essa ocorrência pode surgir na pessoa por inúmeros fatores, como por exemplo:  ficar sem  comer durante um grande intervalo de tempo, ingestão de álcool (que acarreta desidratação no organismo e diminui a glicose no sangue), aumento de atividade física sem orientação.

Sintomas de Hipoglicemia

Os sintomas mais frequentes apresentados por pessoas com estado de hipoglicemia são:

  • tremores;
  • nervosismo e ansiedade;
  • taquicardia;
  • tontura;
  • fraqueza;
  • calor intenso;
  • suor;
  • dor de cabeça;
  • sono;
  • fome.
  • Nos casos mais graves,  podem ocorrer convulsões  e até estado de inconsciência

sintomas de hipoglicemia - glicemia baixa

Claro, que a reação dos organismos das pessoas pode variar os sintomas de hipoglicemia, mas geralmente são os descritos acima.

Tratamento da Hipoglicemia

Para os casos de hipoglicemia que não envolve convulsão e inconsciência, o tratamento consiste na pessoa ingerir alimentos de carboidratos simples, como por exemplo: uma colher de sopa de açúcar dissolvida em água, refrigerante comum, um pouco de chocolate ou mel, pois são alimentos que fornecem energia e elevam a insulina rapidamente, tirando a pessoa do estado de hipoglicemia.

Caso a pessoa não apresenta uma melhora em questão de até 15 minutos, consuma mais carboidratos simples novamente. Após essa normalização da glicose no sangue, o recomendado é consumir a próxima refeição mais rapidamente, para não deixar o corpo entrar em estado de hipoglicemia novamente.

Nos casos graves, como convulsão e inconsciência, a recomendação é de não dar comida ou bebida para a pessoa, e sim chamar a ambulância e levar ao hospital mais próximo. Lá no hospital, os médicos poderão avaliar qual será a medicação adequada, geralmente, a indicação é injetar uma substância chamada Glucagon, que tem por função estimular o fígado a liberar a glicose armazenada no sangue.

Hiperglicemia

A hiperglicemia é o contrário da hipoglicemia, ou seja, é um nível muito alto de glicose no sangue. Ocorre quando o corpo não consegue utilizar a insulina ou quanto tem pouca insulina.

Sintomas da Hiperglicemia

crise de hiperglicemia - glicemia alta

É considerada uma das principais causas de complicação para pessoas portadoras de diabetes. Os sintomas mais comuns para a hiperglicemia são:

  • glicemia alta;
  • dor de cabeça;
  • urinar muito e várias vezes no dia;
  • sede intensa;
  • visão turva;
  • pele seca;
  • cansaço excessivo e fraqueza muscular

A elevação da glicose no sangue, geralmente, se dá através de: estresse contínuo ou quando a pessoa come muito mais do que o costume.

Para quem é portador de diabetes, caso seja diabetes do tipo 1, pode ser que não tenha injetado insulina suficiente, e para diabetes do tipo 2, pode ter insulina, mas o corpo não está conseguindo utilizar da maneira correta.

Tratamento da Hiperglicemia

O tratamento da hiperglicemia é voltado para baixar os níveis de glicose no sangue e isso pode ser feito através da alimentação adequada e prática de exercícios físicos, mas se o nível de glicose estiver superior a 240 mg/dl, a pratica de exercícios não é recomendada, deve consultar o médico.

Outra forma de reduzir a hiperglicemia é diminuir a ingestão dos carboidratos simples, que quando metabolizados pelo corpo grande parte se transforma em açúcar. O ideal nesses casos, principalmente para pacientes diabéticos, é procurar um nutricionista ou médico, que te orientará melhor quanto à alimentação e recomendação de remédios.

Veja como milhares de pessoas portadoras do diabetes estão mantendo a doença controlada, naturalmente apenas utilizando a alimentação inteligente.

Recomendados Para Você: