Obesidade – Causas, Tipos, Sintomas e Tratamentos

A obesidade (distúrbio do excesso de peso) hoje em dia é uma das maiores preocupações de organizações de saúde em diversos países, incluindo o Brasil que a cada ano tem mais pessoas obesas, e esse problema não atinge apenas aos adultos, é cada vez maior o numero de crianças que estão com obesidade infantil.

Isso tudo é um alerta de que devemos ter mais cuidado com a nossa saúde e tudo começa com a prevenção e mudanças de hábitos, o distúrbio pode contribuir ou aumentar o risco para o desenvolvimento e até mesmo agravamento de diversas doenças, como, por exemplo, o diabetes.

tipos de obesidade

A obesidade é simplesmente caracterizada pelo acumulo de gordura corporal em um indivíduo, o diagnostico utilizado em adultos é geralmente o índice de massa corporal mais conhecido como IMC, esse é calculado dividindo o peso pela altura elevada ao quadrado.

Sintomas e causas

Muitas vezes queremos entender mais sobre o distúrbio do excesso de peso e as causas que podemos encontrar sobre o desenvolvimento dessa condição pode ter fatores diferenciados, mas existem alguns sintomas que podem ajudar a identificar a obesidade facilmente, algumas das principais causas e sintomas são:

Causas:

  • Má alimentação;
  • Sedentarismo;
  • Insônia crônica;
  • Fatores genéticos e orgânicos;
  • Fatores emocionais e psicológicos;
  • Desequilíbrio hormonal;
  • Hereditariedade;
  • Problemas em glândulas.

O uso de certos medicamentos também pode causar a obesidade. Os medicamentos mais comuns que podem causar aumento de peso são os esteroides, corticoides e alguns remédios antidepressivos.

Consequências:

As consequências da obesidade, assim como suas causas, são muitas e variadas:

  • Problemas cardiovasculares;
  • Hipertensão arterial;
  • Diabetes;
  • Colesterol alto;
  • Varizes;
  • Artrose;
  • Doença Renais:
  • Dificuldade respiratória e cansaço;
  • Maior tendência ao câncer;
  • Redução da expectativa de vida;
  • Baixa autoestima.

Sintomas:

  • Fome exagerada entre as refeições;
  • Sono em excesso;
  • Cansaço fácil;
  • Respiração ofegante;
  • Suor em excesso;
  • Sentir as pernas pesadas e inchadas.

Tipos 

A obesidade é um problema que vem atingindo pessoas de várias idades e de diferentes formas, é muito importante entender cada classificação desse distúrbio, alguns dos tipos mais comuns que existe são:

  • Alimentar: causa pelo excesso de ingestão de bebidas e alimentos e assim tendo um acúmulo de gordura corporal;
  • Relacionada ao glúten: ocorre nas mulheres quando há desequilíbrio hormonal;
  • Metabólica Aterogênica: é o aumento no tamanho do estômago causado pelo acúmulo de gordura na região;
  • Venosa: essa ocorre por haver uma deformidade circulatória nas veias e é mais comum durante a gestação;
  • Oriunda do Sedentarismo e da Inatividade: é comum em pessoas que não praticam nenhum tipo de exercícios ou que antes praticavam atividade física e hoje em dia não praticam mais;

Prevenção e tratamento

Muitas vezes ficamos pensando nas melhores maneiras de prevenir problemas como a obesidade e isso é mais simples do que imaginamos, ter a consciência que é necessário ter cuidado com a saúde ainda mais se a pessoa é propensa a desenvolver o distúrbio por algum motivo é essencial.

A prevenção pode começar com simples mudanças de hábitos, colocando em sua rotina diária a pratica de exercícios físicos e também ter um cuidado maior com a alimentação optando sempre por uma alimentação saudável e equilibrada.

Existem diversos tratamentos que podem ser aderidos por quem sofre com o distúrbio do excesso de peso, geralmente o especialista analisa o tipo de obesidade que a pessoa está desenvolvendo e passa o tratamento mais adequado podendo ser através do uso de medicamentos e mudanças de hábitos e até mesmo intervenção cirúrgica em determinados casos.

Diabetes e obesidade

Muitas pessoas acham que a diabetes e a obesidade de um modo geral não tem nenhuma relação, mas se engana que tem esse pensamento, é claro que existem diversos fatores que contribuem tanto para a diabetes quanto para o distúrbio do excesso de peso e por isso que é tão importante estar atento a saúde em todo o sentido.

A diabetes e a obesidade de fato não são boas companheiras, uma pode agravar a situação da outra e para ser mais preciso a obesidade é um fator de risco que pode ser muito prejudicial para pessoas diabéticas e nesses casos os cuidados devem ser muito maiores com a saúde e com métodos de prevenção.

Diabetes e obesidade infantil

obesidade infantil e diabetes

Muitas pessoas acreditam que não existe a obesidade infantil, e que são casos isolados crianças que desenvolvem diabetes ainda na infância ainda mais por causa do sobre peso, porém muitas pesquisas recentemente vem alertando para esse problema cada vez maior nos dias de hoje.

É cada vez maior o número de crianças que estão se tornando obesas e muitas vezes é possível diagnosticar a diabetes a partir dos 8 anos de idade, na maioria dos casos a diabetes infantil está diretamente ligada a obesidade infantil, o que nos leva a pensar na necessidade cada vez maior de ter uma alimentação e hábitos saudáveis desde cedo, para que as crianças  não sofram desse mal que pode até mesmo matar se não for cuidado.

Recomendados Para Você: